Aveia - Já comeu a sua hoje?

Aveia

 

Já comeu a sua dose de aveia de hoje? Se não o fez porque razão optou por tal idiotice?

 

A aveia (Avena sativa), é um grão de cereal endurecido. É um cereal muito comum que se cultiva em zonas temperadas de todo o mundo. Capaz de suportar as condições de um solo pobre onde outras culturas são incapazes de sobreviver a aveia parece passar essa força resistente para aqueles que consomem.

 

A aveia é um alimento muito interessante. Rica em proteínas e minerais, a aveia contribui para o fortalecimento dos ossos, dentes e tecido conjuntivo. Além de tudo isto é um excelente fornecedor de energia e contém níveis elevados de cálcio e fósforo.

 

A aveia é, para a maioria das pessoas, de fácil digestão. É, apenas como exemplo, indicada para pessoas em convalescença, nomeadamente para mulheres no pós-parto, já que se crê ser um bom tonificador do útero.

 

É conhecida a sua acção sobre o sistema nervoso, actuando como tranquilizante e relaxante. Segundo alguns estudos, a aveia pode ajudar em casos de sintomas de privação, por exemplo do tabaco, tranquilizantes e antidepressivos.

 

Porque é rica em fibras solúveis, a aveia facilita o processo de digestão, previne e/ou combate a prisão de ventre e exerce uma acção calmante sobre o aparelho digestivo (casos de gastrite ou de síndroma do cólon irritável). A aveia reduz a absorção de hidratos de carbono na corrente sanguínea estabilizando os níveis de açúcar (diabetes e oscilações de humor). A aveia pode ainda estabilizar os níveis de estrogénio e reduzir a retenção de líquidos.

 

Um dos mais significativos benefícios da aveia é a manutenção da saúde cardiovascular. A fibra solúvel ajuda a reduzir o colesterol e a tensão arterial. Já agora, também é rica em ferro. O ferro é essencial à formação de glóbulos vermelhos e à respectiva função de transporte do oxigénio para todo o corpo. Contribui para a prevenção da anemia ferropriva (sobretudo nas mulheres com períodos menstruais intensos ou prolongados). A aveia estimula também a tiróide, glândula que regula a transformação dos alimentos em energia.

 

Prefira as variedades integrais de aveia (farelo ou flocos). Guarde num frasco hermeticamente fechado em local com pouca luz e fresco. Não exceda em mais de 90 dias o período desde a compra até à finalização da utilização do produto.

 

Pode ser comida crua ou cozinhada. Há quem a prefira moída na trituradora ou no moínho de café. Quem a coza com água ou com leite. Quem a adicione aos batidos da suplementação proteíca. Enfim, faça como bem entender. Eu, pessoalmente, como-a crua ligada com um iogurte natural sem açucar do Continente (46cal/4,1g Prot./5,1g HC/1,0g Lip.) e misturada com - dependendo do dia - sementes de abóbora, sementes de linhaça, sementes de girassol e sementes de sésamo. Pode também experimentar juntar-lhe sumo e pedaços de fruta.

 

 

Onde Comprar?

Poderá comprar embalagens de aveia em quase todos os hipermercados e supermercados do país.

Continente, Feira Nova, Pingo Doce, Jumbo, Lidl, etc., todos estes espaços têm, de uma ou de outra marca, embalagens de aveia integral em flocos. Não compre produtos com açucares adicionados. Só flocos de aveia integral. Os preços vão desde menos de um euro a embalagem até às maluquices do costume. Por hábito e simpatia que foi crescendo com o tempo de utilização, prefiro os da Cem Porcento cuja embalagem de 400gr custa uns míseros 0,99€. As embalagens do Lidl cujo o preço em 2007 rondava os 0,60€ por embalagem também recolhem muita simpatia em Portugal. Vá experimentando até acertar naqueles que mais lhe agradam.

 

Conhecidos benefícios para a saúde

● Afecções do Sistema Nervoso
● Doença Celíaca
● Diabetes
● Colesterol
● Arteriosclerose
● Hipertensão

 

 

Conta-Indicações

A aveia, assim como o trigo, a cevada, o malte e o centeio, possui o glúten na sua composição, desta forma, não deve ser consumido por portadores da doença celíaca, já que a mesma traz como consequência ao organismo (caso consumido estes alimentos), uma atrofiação nas mucosas do intestino delgado, prejudicando o organismo e a absorção de diversos nutrientes.

 

 

Informação Nutricional

fonte da informação: INSA

sinto-me:
publicado por emagrecerefacil às 15:46 | link do post